Islândia – De tubarão podre até o cachorro quente mais famoso do mundo – Onde comer em Reykjavík

To read this very same post in Englich click here

E então chegamos ao último ponto da nossa viagem – que foi também o primeiro – Reykjavík! Nós estavamos tão cansados depois de tantos dias viajando e , por incrivel que pareça, eu não tinha marcado  nenhum tour então nós decidimos andar… O lugar parece O lugar parece uma maquete, é bem conservado, limpinho, organizado, com lindas casas de madeira e áreas muito coloridas e cheia de vida.

Enquanto andavamos, eu vi muitos lugares legais e enorme variedade de coisas para fazer por lá. Muitas lojas e restaurantes vegetarianos, lugares pare yoga, dança, lojas etc. Talvez eu tenha sido uma tonta e pensado no estoriótipo de que não havia muito a fazer por lá devida a quantidade enorme de neve no local.

Reykjavík me surpreendeu muito e eu adorei ter visitado este lugar.

Culinária estranha – leia, exótica.

Bæjarins Beztu Pylsur – Cachorro quente.

Vamos então começar por algo que todo mundo conhece: O famoso cachorro quente da Islândia. Localizado no centro da cidade, é possível encontar uma van de cahorro quente com uma fila considerável. O nome do local é Bæjarins beztu pylsur – que pode ser traduzido para o melhor cachorro quente da cidade – e na verdade, é conhecido como o melhor cachorro quente do mundo. O dogão não parece ter nada de especial e na verdade é bem simples se comparado com o cachorro quente que comemos em São Paulo.

Dica: Você pode comprar a salsicha e o molho deles no aeroporto.

 

Hákarl, o tubarão podre – Cafe Loki

Eu estava tão curiosa para ver a reação de alguém comendo isso na minha frente simplesmente porque isso parece ser a coisa mais nojenta que eu já ouvi sobre comida:

A carne do tubarão Greenland é envenenada quando fresca devido a alta quantidade de urea e trimethylamine oxide, mas que pode ser consumida após processada.

O método tradicional de processar esta carne é por evisceração e decapitação de um tubarão da Groenlândi, após a limpeza da cavidade o tubarão é enterrado em um buraco raso com areia de cascalho. Pedras são colocadas em cima da areia, a fim de pressionar o tubarão. Desta forma, os fluídos são pressionados para fora do corpo. O tubarão fermenta desta forma por 6-12 semanas, dependendo da época. Após este período de cura, o tubarão é então cortado em tiras e pendurado para secar durante vários meses. Durante este período de secagem uma crosta marrom vai se desenvolver, que é removido antes de cortar o tubarão em pequenos pedaços e servindo.

Tradução do Wikipedia em Inglês – estava mais completinho 😀

Hummm, parece nojento. Como que alguém como isso??

Nós encontramos porções no Café Loki, também localizado no centro da cidade. O preço é 520KR// 14.32 reais. Pode ser encontrado no menu com o nome de Fermented shark 4 bites – to taste (tubarão fermentado, 4 pedaços para degustação). Junto com o pedido vem uma bebida – “Você vai precisar da bebida para limpar o paladar após comer o tubarão”, disse o garçom… A esta altura eu já estava rindo tanto que o garçom me perguntou o que estava acontecendo e eu contei que era vegetariana e não ia comer – Ahhh que triste que eu estava #sarcamo. Então nós dois começamos a rir do Guilherme.

Após o primeiro pedáo ele disse: Não é tão ruim quanto eu achava. Mas depois de um tempo o gosto começou a espalhar e parecia estar bem ruim. E eu estava gravando tudo para o blog mas ele também tinha prometido um vídeo para o amigo dele… então foram 2 pedaços. hahah mais um por que eu falei que talvez o primeiro vídeo não tinha ficado bom – hahahaha tinha sim! Mas eu não ia deixar a opotunidade passar, né?! Atire a primeira pedra quem nunca zuou o namorado. LOL. Eu tive que cobrir minha boca por que eu estava rindo muito e alto no restaurante lotado.

Veja o resultado no vídeo.

Restaurante de tapas

Também localizado no centro da cidade, Tapas é um lugar com imensa variedades de comidas típica da Islândia e tem um menu especial para quem esta procurando uma seleção de comidas locais.

Islândia festa gourmet, saborear o melhor da Islândia – opção Guilherme

Preço: 7990 KR // 66.10Eur // R$ 230

  • Papagaio de bico laranja defumado com molho de blueberry
  • Truta islandesa
  • Lagosta
  • Cordeiro Islandes grelhado da Islândia
  • Baleia com molho de  cranberry
  • Mousse de chocolate branco com coulis de paixão

Festa vegetal / de la huerta – Minha opção (vegetariana)

Preço 7.690 Kr // 63.62 EUR // R$ 217

  • Aperitivo
  • Legumes fritos com queijos, cogumelos e vinagrete
  • Folhado de batata doce com queijo feta, quinoa e coentos servidos com tomate cereja e mussarela mariana em óleo de manjericão trufado
  • Rolo com cevada, aspargos, tomate, berinjela e salas.
  • Mousse de chocolate branco com molho de maracujá

IMG_1665

É bastante raro quando eu saio de um restaurante e estou satisfeita. Na grande maioria das vezes, minha comida é bastante leve e muitas vezes em graça mas eu sai do Tapas extremamente feliz. Ainda mais feliz pelo surpeendente fato que a minha comida era maior e muito mais saborosa do que o prato não vegetariano. Aliás, como alguém pode comer papagaio?

Os pratos são muito bem apresentados, a comida é deliciosa, o ambiente é agradavel e o serviço excelente.

 

A melhor sopa que eu já experimentei na vida

Nós passamos pelo restaurante Núðluskálin algumas vezes no primeiro dia enquanto procuravamos o que comer. Sendo bastante realista subestimamos o local. Nós estavamos procurando por algo diferente mas felizmente demos uma chance a este restaurante. A sopa é MARAVILHOSA, de verdade. Eu não sabia que uma sopa podia ser tão boa.  Estava tão boa que eu tive que procurar a receita na internet e tentar reproduzir a sopa em casa… Estou tentando até hoje! rs!

E assim acaba nossa aventura pela Islândia que deixa muitos ensinamentos e um local que vai deixar saudades.

Beijos,

Andréa Molina

 

Anúncios